TRANSLATE:
Login
LIDERANÇA
Não há inovação em organizações que possuem a cultura do chefe”, disse Carlos Schauff, especialista em gestão, durante palestra na FNQ
Especialista destacou também a importância do ambiente colaborativo como fator fundamental para a inovação.
O especialista em gestão, Carlos Amadeu Schauff, esteve na FNQ, no dia 23/10, para ministrar uma palestra sobre o tema: “Inovação na 20ª edição dos Critérios de Excelência”. Schauff é um dos responsáveis pela atualização e revisão da publicação Critérios de Excelência da Gestão, metodologia disseminada pela FNQ que funciona como referência para a melhoria da gestão de organizações de todos os portes e setores.

De acordo com o especialista, a inovação ganhou destaque nas organizações que passaram a inovar no seu processo de gestão e também nos processos de produção. Para Schauff a inovação é uma ideia criativa que dá resultado e não apenas uma ideia nova. “É preciso experimentar a eficácia dessa nova ideia para ver se dá resultado e traz algum ganho para o processo”, argumenta.


Trabalhar em rede

Outro ponto destacado pelo especialista foi o desenvolvimento de redes que podem interferir no processo de inovação. Segundo Schauff, a identificação e o desenvolvimento de redes de organizações e pessoas importantes é um fator fundamental para a inovação. “Trabalhar em rede amplia a possibilidade de inovação. É um alavancador de inovação. Os novos critérios do MEG cobram e valorizam novas experiências de gestão”, disse.


Trabalhar com autonomia

Por fim, é importante que lideranças e gestores avaliem o grau de autonomia que dão aos seus colaboradores e partes interessadas para inovar, bem como o limite de autonomia para experimentos. “Se não há autonomia não há inovação”, afirma.

Também é importante que o Brasil deixe de lado o medo de experimentar e proporcione um estimulo à inovação em larga escala. “Temos um certo preconceito em receber críticas. Existe uma cultura de punição e não há inovação em organizações que possuem a “cultura do chefe”.


Fonte: FNQ
Apoio:
xhl


sicredi
Blog
A discussão de compliance e ética no CQH 2018
Destaques
2018 - Concursos para obtenção de título de especialista em medicina preventiva e certificado de área de atuação em administração em saúde
Hospital Netto Campello recebe selo do CQH
Manual de Indicadores de Gestão de Pessoas - 2017
2017 - Concurso para obtenção de título de especialista em medicina preventiva e certificado de área de atuação em administração em saúde
RAS On-line
Gestão Hospitalar - O Papel do Médico Gestor
Mais Recentes
BOAS PRÁTICAS GERENCIAIS 20/05/19
VOCÊ SABE SER "CHEFE" 20/05/19
QUEM PAGA A CONTA DA SAÚDE? 17/05/19
BOAS PRÁTICAS NA GESTÃO DE PESSOAS 13/05/19
MAIS VOVÔS QUE NETINHOS 10/05/19
COMUNICAÇÃO 09/05/19
Assembleia dos Hospitais Participantes do CQH - 07/06/2019 07/05/19
GESTÃO DA QUALIDADE EM SAÚDE 25/04/19
Em 25/10/2018, o Hospital Policlin de Taubaté recebeu selo do Programa CQH 23/04/19
Mais Lidas
1Manual de Indicadores de Enfermagem NAGEH 2012
2Rumo à Excelência: Critérios para avaliação do desempenho e diagnóstico organizacional
3CQH - Roteiro de Visitas
43º Caderno de Indicadores CQH - 2009
5Manual de Gestão Hospitalar
6Por que e como aderir ao Programa CQH
7Acreditação hospitalar: um movimento inexorável?
8Prêmio Nacional da Gestão em Saúde - Ciclo 2015-2016: Regulamento e Instruções para Candidatura
9Manual de Gestão Hospitalar do CQH
10Manual de Gestão - Organização, Processos e Práticas de Liderança
Videoaulas
Indicador de homem hora treinamento
Avaliação da Necessidade de Treinamento